top of page

Pesquisas recentes destacam como as pessoas LGBTQ+ enfrentam várias dificuldades quando acedem aos serviços de saúde: discriminação, atrasos nos tratamentos, apagamento das experiências.

Esta disparidade gera sofrimento e aumenta a vulnerabilidade das pessoas LGBTQ+, bem como custos elevados para os sistemas de saúde, incluindo menor esperança de vida, baixa conformidade com os tratamentos e maior incidência de doenças crónicas.

O projeto é liderado por Mara Pieri, investigadora em Sociologia no Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra e financiado através do programa CEEC da FCT (Fundação pela Ciência e Tecnologia). 

 

Entre 2022 e 2027, DIVERS irá recolher experiências, analisar dados e contribuir para medidas que melhorem a qualidade dos cuidados de saúde prestados às pessoas LGBTQ+ em Portugal.

Objetivos

Através de metodologias qualitativas e quantitativas, o projeto quer incidir na qualidade dos serviços de saúde prestados às pessoas LGBTQ+ em Portugal.

Em particular:

undraw_Community_re_cyrm.png
Conhecer

Recolhemos dados quantitativos e qualitativos para conhecer a situação atual no acesso aos cuidados de saúde das pessoas LGBTQ+.

undraw_file_analysis_8k9b.png
Analisar

Analisamos os dados do questionário, as entrevistas e as narrativas recolhidas para fazer um mapeamento da situação atual.

undraw_circles_y7s2.png
Melhorar

Através do diálogo com ativistas, pacientes e profissionais, desenvolvemos recomendações para melhorar os cuidados de saúde.

Etapas

1

Pessoas LGBTQ+

Recolhemos as experiências das pessoas LGBTQ+ que acedem aos serviços de saúde em Portugal através de um questionário e de entrevistas.

Queres contar a tua experiência e contribuir ao projeto

2

Profissionais de saúde

Encontramos profissionais de saúde de todas as áreas para conhecer as necessidades, as dificuldades e as ausências na formação e na prática.

És profissional de saúde e gostavas de contribuir?

3

Ativistas

Envolvemos ativistas de organizações LGBTQ+ e de organizações pelos direitos dos doentes para criar diálogos e gerar conhecimento juntos.

És ativista e desejas participar no processo?

mp_photo.jpg

Mara Pieri

Investigadora, Centro de Estudos Sociais, UC

Investigadora no CES. É Mestre em Sociologia na Universidade de Trento (Itália) e doutorada em Direitos Humanos no CES (Universidade de Coimbra).

Trabalha na área dos direitos LGBTQ+ e da saúde, tendo publicado em revistas internacionais sobre doença crónica, estudos críticos da deficiência/estudos crip, vivências LGBTQ+ na Europa do Sul.

2022_FCT_Logo_A_horizontal_preto.png
bottom of page